2 maneiras de fazer o controle de fluxo de caixa da sua empresa

Se você é empreendedor sabe que uma das tarefas mais importantes para o sucesso da empresa é o controle de fluxo de caixa. Apesar de ser uma atividade conhecida por todos, nem sempre as companhias realizam esse processo de forma correta e segura. O problema é que essa atitude pode trazer prejuízos para o negócio e comprometer o seu crescimento, pois sem um controle de fluxo de caixa eficaz dificilmente o empresário terá uma visão clara e real dos seus rendimentos.

Diante desse desafio, é comum as empresas buscarem por dicas de como fazer o controle de fluxo de caixa sem erros, garantindo uma gestão assertiva das finanças. Esse é o seu caso? Se sim, te convidamos para conferir na sequência deste artigo 2 maneiras práticas de controlar o caixa da sua empresa sem sustos no fim do mês. Não perca!

1. Crie e gerencie uma planilha com as finanças da empresa

Como mencionado no início, o controle de fluxo de caixa é um processo importante para as empresas de todos os segmentos e portes. Para que não haja nenhuma falha nessa atividade, é fundamental que o empreendedor ou sua equipe financeira mantenha todas as movimentações da companhia registradas e atualizadas.

Por isso, uma forma de realizar esse trabalho é por meio de planilhas. Ao optar por essa estratégia, é preciso inserir no controle de fluxo de caixa todos os gastos realizados e todos os valores recebidos, ambos separados em categorias específicas.

As atualizações devem ser feitas diariamente na planilha, assim o empresário conseguirá ter uma visão clara dos seus principais gastos e das receitas do negócio, pois essas informações são essenciais para as futuras tomadas de decisão. Além disso, parte do controle de fluxo de caixa tem a ver com a análise do capital de giro e do estoque, por isso, é válido incluir esses dados e análises em sua planilha.

controle de fluxo de caixa

2. Utilize um software especializado no controle de fluxo de caixa

No tópico acima, vimos que é possível realizar o controle de fluxo de caixa de uma forma manual, utilizando as planilhas como aliadas. Porém, essa é uma atividade que demanda tempo e análises diárias e nem sempre a equipe consegue conciliar essa tarefa com as inúmeras outras incumbências do setor.

Por conta disso, uma excelente opção é o controle de fluxo de caixa realizado com o suporte de softwares especializados. Ao adotar uma plataforma automatizada, a sua empresa conseguirá fazer a gestão dos recebíveis através da conciliação de vendas e dos dados do que foi pago ou descontado pelas adquirentes.

Além disso, essas soluções oferecem um suporte completo para o empreendedor acompanhar em tempo real as entradas e saídas do negócio, reduzindo consideravelmente o tempo investido no processo de conciliação manual e seus custos operacionais.

E os benefícios em realizar o controle de fluxo de caixa com um software especializado não param por aí. O empreendedor também terá acesso a funcionalidades que ajudam a controlar de maneira eficaz as divergências graças às informações sobre:

  • Pagamentos não realizados ou realizados com alguma diferença de valor;
  • Cobrança indevida de taxas; 
  • Controle de todas as tarifas de aluguel de maquininha;
  • Identificação de todos os cancelamentos ou chargebacks descontados;
  • Acompanhamento em tempo real de todas as taxas de antecipação e valores antecipados.

No artigo de hoje, apresentamos 2 maneiras de fazer o controle de fluxo de caixa em sua empresa, uma com recursos manuais e a outra utilizando a tecnologia como aliada. Para continuar aprendendo sobre a área financeira, veja também em nosso blog o post que ensina a evitar fraudes de chargeback no varejo.

Comentário no facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.