Como a conciliação bancária vai ajudar sua empresa pós-crise?

A crise financeira que a pandemia do novo coronavírus estabeleceu no mundo está exigindo que os empreendedores de todos os segmentos e portes busquem de forma rápida soluções que ajudam as empresas a se manterem ativas no pós-crise.

A transformação digital dos negócios, que antes era uma tendência, se tornou uma necessidade urgente em tempos de pandemia. Atividades e procedimentos que antes eram realizados presencialmente ou manualmente, estão sendo otimizados graças aos recursos tecnológicos.

A conciliação bancária automatizada, por exemplo, é uma estratégia conhecida pelos empresários e que pode ser uma grande aliada das empresas no pós-crise. Quer conhecer mais sobre esse recurso? Então, continue acompanhando esse artigo até o fim!

O que é conciliação bancária?

A crise causada pela pandemia atingiu bastante os negócios no Brasil. De acordo com a Pesquisa Mensal de Comércio divulgada pelo IBGE, as vendas do comércio varejista tiveram uma queda recorde de 7,8% no segundo trimestre de 2020 ante o primeiro trimestre do ano, em decorrência da pandemia.

Apesar da impactante queda, com a retomada do comércio em muitas regiões do país os gestores precisam “colocar a casa em ordem” para não ter ainda mais problemas no futuro. A conciliação bancária, por exemplo, é um serviço que ajudará as companhias nessa fase de recuperação.

Para não perder nenhuma oportunidade de venda, os estabelecimentos estão oferecendo aos clientes novas opções de pagamento. Para cada uma delas, pode ser cobrada taxas diferentes, pois isso dependerá da operadora utilizada, se o pagamento for no crédito ou no débito e se a empresa opta ou não pela antecipação dos recebimentos. 

conciliação bancária

Ao fim do dia, são muitas informações distintas que precisam ser analisadas. É neste cenário que a conciliação bancária entra como uma importante aliada das companhias nesse processo de recuperação. A função desse serviço é estudar os dados e apontar possíveis inconsistências. 

Durante esse processo, o empresário terá acesso a informações confiáveis sobre suas vendas e recebimentos gerados via pagamentos em cartão de crédito ou débito, pois a conciliação bancária é capaz de identificar se as operações têm acontecido da maneira correta, sem interferências que possam atrapalhar o progresso do negócio.

Como essa estratégia pode ajudar a minha empresa no pós-crise?

Como vimos no tópico acima, a conciliação bancária é responsável por verificar as principais movimentações financeiras da empresa. Caso o empreendedor deixe esse trabalho de lado no pós-crise, ele correrá o risco de ter uma visão equivocada dos recebimentos da companhia, além de estar muito mais exposto a possíveis fraudes.

Para evitar que problemas ainda mais complexos surjam em sua operação, o melhor a fazer é investir na conciliação bancária. Hoje, esse processo não precisa mais ser realizado manualmente, otimizando o tempo dos colaboradores e reduzindo as chances de erros. Por meio de softwares especializados na área financeira, é possível fazer todas as análises de forma automatizada e segura. 

Conheça alguns dos recursos disponíveis em uma plataforma completa:

  • Controle de todas as adquirentes em um único lugar;
  • Controle de cancelamentos e chargebacks;
  • Análise de antecipação e descontos;
  • Gestão do fluxo de caixa com valores a receber; 
  • Visão completa dos recebimentos bancários
  • Conciliação de taxas, pagamentos e vendas;
  • Controle das vendas registradas pelas adquirentes.

Você conferiu no artigo de hoje como a conciliação bancária pode ajudar a sua empresa no pós-crise. Para continuar por dentro de dicas sobre gestão de negócios, acompanhe as próximas postagens do nosso blog e siga-nos também nas redes sociais!

Comentário no facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.